Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.26/4709
Título: A funcionalidade da linguagem escrita em educação pré-escolar: um projeto de intervenção
Autor: Ferrão, Ana Carina
Brito, Rita
Palavras-chave: Educação pré-escolar
Funcionalidade da linguagem escrita
Projeto pessoal leitor/escritor
Investigação-Ação
Data: Jun-2013
Citação: In: Jornadas Pedagógicas - Supervisão, liderança e cultura de escola. 21 e 22 Junho 2013. Odivelas: ISCE, 2013
Resumo: No processo de aprendizagem da leitura e escrita, a descoberta da funcionalidade da linguagem escrita pela criança é crucial, pois permite-lhe reconhecer a importância da aprendizagem da leitura e escrita. Estando num contexto educativo de Prática Pedagógica onde mais de metade das crianças de uma turma de pré-escolar irá transitar para o 1º Ciclo e verificando-se algumas dificuldades e lacunas no âmbito da linguagem oral e abordagem à escrita, achámos pertinente a realização desta investigação nesta temática. Tendo como questão de partida “Qual o contributo de um projeto de intervenção pedagógica na vertente - funcionalidade da linguagem escrita, no pré-escolar?”, foram implementadas várias atividades numa sala de jardim-de-Infância no distrito de Lisboa, com o intuito de promover a interiorização das finalidades da escrita, de modo a contribuir para a formação do projeto pessoal de leitor/escritor. Este estudo segue uma abordagem qualitativa, baseando-se no paradigma interpretativo e descritivo. Optámos pelo desenho de um projeto de Investigação- Ação (IA), dado que esta abordagem permite determinar problemas diagnosticados em contextos específicos. Como ferramentas de recolha de dados foram utilizadas gravações de vídeo, sendo acompanhadas de um diário de bordo. Os resultados que aqui relatamos reportam-se somente a duas atividades, nomeadamente, Construção de uma página de jornal e O telemóvel gigante. Utilizámos o suporte de escrita Jornal e Lista Telefónica para avaliar os conhecimentos que as crianças tinham acerca dos mesmos. Foram colocadas três questões que visaram a identificação, o conteúdo e a função. Os resultados permitem concluir que as crianças possuem diferentes concepções sobre os suportes de escrita Jornal e Lista Telefónica, que foram evoluindo progressivamente após a implementação das ditas atividades, principalmente no que diz respeito aos conteúdos e funções dos mesmos.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.26/4709
Aparece nas colecções:ESEJD - Artigos

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
FuncionalidadeLinguagemescrita.pdf770,98 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.