Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.26/7877
Título: Avaliação da qualidade microbiológica de saladas preparadas em restauração pública
Autor: Trindade, Carla Helena Silva do Rosário
Orientador: Oom, Madalena
Palavras-chave: Segurança alimentar
Qualidade microbiológica
Saladas de vegetais
Saladas de vegetais crus
Restauração
Data de Defesa: Out-2014
Editora: Instituto Superior de Ciências da Saúde Egas Moniz
Resumo: A Qualidade e a Segurança dos Alimentos constituem uma preocupação importante e actual de consumidores, produtores e autoridades nacionais e europeias. Assim sendo,compete à produção e distribuição o fornecimento de produtos alimentares de boa qualidade higiénica e segura para os consumidores. Neste contexto, os vegetais frescos merecem especial atenção, uma vez que são facilmente alterados pela flora de contaminação, e podem conter bactérias potencialmente patogénicas. Deste modo, o objectivo deste trabalho consiste na avaliação da segurança microbiológica de saladas preparadas na restauração pública e inquirir profissionais do sector sobre as saladas e a sua percepção em relação aos riscos que as mesmas representam para a saúde dos consumidores. Recorrendo a métodos convencionais, procedeu-se à caracterização microbiológica de vegetais, em 279 amostras de alface (173) e de cenoura (106), tendo-se determinado o teor de microrganismos totais a 30º, Enterobacteriaceae, Escherichia coli, Staphylococcus aureus, Salmonella spp e Listeria monocytogenes. Simultaneamente foi realizado um inquérito de opinião a 153 manipuladores de alimentos, os quais têm nas suas funções diárias a preparação de saladas de vegetais crus. Do universo global analisado e de acordo com os critérios de apreciação seguidos, 73% das amostras de salada de alface e 88% da salada de cenoura foram consideradas não satisfatórias, devido ao elevado número de microrganismos totais a 30 °C e Enterobacteriaceae. Em relação aos inquéritos realizados, os resultados demonstram um profundo desconhecimento dos inquiridos sobre as saladas e os riscos que as mesmas podem representar para a saúde pública. A contaminação dos vegetais revela a necessidade de implementar sistemas de segurança alimentar eficazes e da formação dos manipuladores de alimentos a fim de reduzir os riscos associados ao consumo de saladas.
Descrição: Dissertação para obtenção do grau de Mestre em Segurança Alimentar e Saúde Pública
URI: http://hdl.handle.net/10400.26/7877
Aparece nas colecções:EM - ISCSEM - Segurança Alimentar e Saúde Pública

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Trindade, Carla Helena Silva do Rosário.pdf1,09 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.