Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.26/6917
Título: A Fortaleza de Almeida e o Eixo da Beira
Autor: Pina, Filipe
Palavras-chave: Almeida
Viseu
Eixo de Aproximação
Massena
Wellington
Data: 1-Ago-2010
Editora: Academia Militar. Direção de Ensino
Resumo: A escolha do Eixo da Beira tornou-se uma das mais importantes decisões da Campanha comandada por Massena em Portugal. Esta e as demais Invasões francesas em Portugal são um marco incontornável na história do País. Muito se tem debatido acerca destas campanhas; Quantas foram? Quando começaram? Até o conceito “Invasões” tem suscitado discórdia entre historiadores. Alcançar e ocupar a capital dum país é normalmente o objectivo estratégico duma invasão. Se na Campanha que comandada pelo general Junot chegar rapidamente a Lisboa foi um objectivo facilmente identificável; a invasão do general Soult já requer uma análise mais cuidada dos factos para o perceber. Neste ano em que se comemoram 200 anos da Campanha comandada pelo general Massena, esta investigação incide sobre alguns dos factores que influenciaram os comandantes e tomar determinadas decisões. As escolhas relacionadas com a selecção do eixo de entrada em Portugal, a aproximação a Viseu, os primeiros confrontos, a importância das praças de Almeida e Ciudad Rodrigo são alvo de estudo nesta investigação. Enlevam-se sobretudo as decisões tácticas e as suas repercussões na campanha. São apresentadas várias modalidades de acção possíveis para um determinado episódio e procura-se, fazendo uso dos instrumentos actuais, determinar aquela que seria a mais acertada.
Abstract Choosing the Axis Beira has reveled being one of the most important choices in the Campaign commanded by Massena. This particularly one and the rest of Portugal invasions by french troops are an incontestable event in the country’s history. It’s been discussed a lot these campaigns; How many? When did they start? Even the concept of “Invasion” is not accepted by all historians. Reach and occupy a country’s capital is, most of the times, the strategic objective of an Invasion. In the Campaign commanded by general Junot take Lisbon firstly was an identifiable objective; although, Soult’s invasion require an detailed analysis of the facts to understand it. This year, when the bicentenary of the General Massena’s Invasion to Portugal is celebrated, this investigation studies the factors that took commandants to decide in a way i nstead of another. Choices related to the selection of the entry axis into Portugal, first combats, the importance of Almeida and Ciudad Rodrigo’s fortresses are object of this study. Tactical decisions and its repercussions during the campaign are the principal target that this investigation tries to achieve. More than one course of action are presented in order to respond to tactical problem and, using modern instruments, the objective is find out which one was the most correct.
URI: http://hdl.handle.net/10400.26/6917
Aparece nas colecções:AM - CM - ECCA - Trabalho de Investigação Aplicada (TIA) - Mestrado Integrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Asp Pina Inf.pdf2,14 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.