Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.26/6783
Título: Restrições na Publicidade: O Caso Central de Cervejas
Autor: Nogueira, Rita
Orientador: Farinha, Nuno
Palavras-chave: Marketing
Televisão
Promoção de Vendas
Publicidade
Vendas Pessoais
Relações Públicas
Marketing Directo
Data de Defesa: 2014
Resumo: Com o passar dos anos e com o aumento da fiscalização por parte das autoridades, há cada vez mais produtos com restrições à publicidade. Estas limitações prendem-se sobretudo com questões de saúde pública, segurança ou menores. As bebidas alcoólicas são exemplo disso mesmo. Em Portugal, o Código da Publicidade determina que "é proibida a publicidade a bebidas alcoólicas, na televisão e na rádio, entre as 7 horas e as 22 horas e 30 minutos". Sendo a publicidade nos meios de comunicação uma pedra basilar na comunicação de marca e produto, é importante perceber quais as estratégias das empresas que têm, à partida, restrições nesta dimensão da comunicação. De acordo com os resultados obtidos,a empresa analisada, a Sociedade Central de Cervejas, tem uma comunicação integrada e eficaz. Todas as dimensões da comunicação têm uma linha orientadora e funcionam num verdadeiro mix comunicacional. As estratégias passam por soluções e dinâmicas concretas na publicidade, promoção de vendas, vendas pessoais, relações públicas e marketing directo. Assim, é assegurado que o produto (cerveja) seja comunicado 24 horas por dia, apesar da restrição horária à publicidade televisiva e radiofónica.
URI: http://hdl.handle.net/10400.26/6783
Designação: Dissertação de Mestrado em Gestão de Marketing
Aparece nas colecções:IPAM - Lisboa - Dissertação de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Rita_ Nogueira_2014.pdf1,17 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.