Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.26/20152
Título: A Ação Psicológica e os Assuntos Civis no âmbito da função de combate Comando-Missão na campanha militar do Teatro de Operações de Angola (1961-1974)
Autor: Eusébio, Rui
Grifo, Pedro
Lopes, Ricardo
Tomé, Raquel
Palavras-chave: Ação Psicológica
Ação Psicossocial
Angola
Assuntos Civis
Comando-Missão
Civil Affairs
Mission Command
Psychological Action
Psychosocial Action
Data: 2015
Editora: IUM
Resumo: O presente trabalho de investigação apresenta como tema “A Ação Psicológica e os Assuntos Civis no âmbito da função de combate Comando-Missão na campanha militar do Teatro de Operações de Angola (1961-1974) ”, um assunto com reconhecido interesse para o Exército Português. O objetivo principal é analisar a Ação Psicológica e os Assuntos Civis à luz da função de combate Comando-Missão e sob o ponto de vista das Forças Terrestres. Para a elaboração do trabalho recorreu-se à metodologia da investigação científica utilizando o método dedutivo, apoiada em pesquisa bibliográfica e documental acerca desta temática, complementada com entrevistas a militares ex-combatentes. Assim, conclui-se que as Forças Terrestres em geral, e os Comandantes em particular, desenvolveram uma atividade relevante através do emprego da Ação Psicológica e dos Assuntos Civis, como fator multiplicador do potencial de combate. Contudo, verificou-se que o essencial na contrassubversão é o controlo das populações, sendo somente possível através da unidade de esforços entre as Autoridades Civis e militares na condução dos Assuntos Civis e da Ação Psicológica. Abstract: This research work presents the theme "The Psychological Action and Civil Affairs under the context of the warfighting function mission command in Angola military campaign theatre of operations (1961-1974)", a subject with recognized interest for the Portuguese Army. The main objective is to analyze the Psychological Action and Civil Affairs under the context of the warfighting function Mission Command and from the point of view of land forces. To produce this research work was followed the scientific research methodology using the deductive scientific method supported by bibliographic and documentary research about the theme, complemented by interviews made to military veterans. We concluded that the land forces in general, and the commanders in particular, developed a significant activity in the employment of Psychological Action and Civil Affairs, as a multiplier factor of combat power. Although, it was found that the essential of counterinsurgency is the control of populations and it is only possible through the unity of effort between the civil authorities and the military in the conduct of Civil Affairs and Psychological Action.
URI: http://hdl.handle.net/10400.26/20152
Aparece nas colecções:IUM - CRC - CPOS - EXE - Trabalhos de Investigação de Grupo



FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.