Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.26/19649
Título: A arenga militar feminina na historiografia portuguesa quinhentista
Autor: Henriques, Luís
Palavras-chave: Arenga militar
discurso feminino
Portugal
século XVI
retórica
historiografia
Data: 2012
Resumo: Este artigo analisa o modo como a historiografia portuguesa do século XVI adaptou um tipo de discurso que contava já com alguns exemplos na historiografia romana: a arenga militar feminina. Em particular, são identificados os contextos narrativos que favorecem a sua ocorrência, a sua tipologia discursiva, bem como os tópicos argumentativos mais recorrentes e a sua relação com a tradição retórica prévia e também com a envolvência histórica coeva. Finalmente, são ainda apuradas as funções que estes discursos desempenham nas obras históricas em que estão inseridos. Protagonistas destas alocuções são as mulheres de Diu, que, nos cercos de 1538 e 1546, ajudaram, com trabalhos e palavras de incentivo, a desbaratar os ataques turcos àquela cidadela. Destaque ainda para o olhar dos outros sobre os portugueses, na extensa e elaborada arenga da rainha de Ternate, exemplum claro da assimilação da retórica militar por parte dos historiadores portugueses renascentistas.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.26/19649
Versão do Editor: https://www.eweb.unex.es/eweb/arengas/td7.Henriques.pdf
Aparece nas colecções:IPP - C3i - Artigos em Revistas Científicas

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
A arenga militar feminina na historiografia portuguesa quinhentista.pdf383,96 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.