Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.26/18484
Título: Casas de emigrantes: enquadramento fotográfico numa região: uma análise visual: projeto fotográfico
Autor: Lemos, João Miguel Simões Vidal de
Orientador: Costa, Carlos
Palavras-chave: Fotografia
Emigração
Casas de Emigrantes
Aculturação
Aveiro (Portugal)
Data de Defesa: 2016
Resumo: Na região mais litoral do distrito de Aveiro, nas povoações vizinhas da ria, existem marcas na topologia e organização do espaço urbano, nomeadamente numa parte destacada das edificações habitacionais, propriedade de emigrantes que, em vários períodos do século XX, atravessaram por mar, ou por terra, as fronteiras duma vida minguada, ou fuga ao risco de uma guerra colonial injusta, duradoura e perdida. Ao partir, os homens, muitas vezes, deixam para trás as esposas que vestem de negro, manifestação solidária e de implicação sofrida, como ‘viúvas’ provisórias dos que um dia voltarão para despertar a felicidade, em modo de pausa, esperançada na promessa feita a qualquer santa da boa viagem. O regresso de uma América mítica, ou de outras proveniências europeias, com dólares, francos ou marcos no bolso, deu lugar a construções de palacetes, vivendas, ou maisons de “fazer ver”, ostentação de estrangeirado, prova do sucesso que na terra nunca julgariam alcançar. O preenchimento, bem ornado destas casas, dá lugar, muitas vezes, a um esvaziamento e a um silêncio duradouro, acontecido pelo regresso ao lugar de imigração, ficando para trás a imagem despida e fria de uma casa desabitada, sempre em espera do seu dono que um dia virá..., ou não. As “casas de emigrantes”, envoltas nesta atmosfera, constituirão os referentes para uma análise fotográfica do paradigma das várias aculturações, identidades singulares e sociológicas, em consonância com a influência da época e das diversas regiões para onde os seus donos emigraram. O projeto fotográfico confluirá num conjunto de imagens a preto e branco, enaltecendo a nostalgia do abandono, em tensão e confronto com imagens coloridas pela presença humana, ou pelos adornos que trazem cor a um vai e vem, entre cá e lá.
In the coastal region of the District of Aveiro, in the neighbouring villages of the lagoon, there are marks on the topology and organization of urban space, particularly in a highlighted part of the housing buildings, property of emigrants who, at various periods of the 20th century crossed, by sea or by land, the borders of a hard life, or escaped the risk of an unjust, lasting and lost colonial war. As they go abroad, men often leave behind their wives who wear in black, manifestation of solidarity and suffering, as ' provisional ' widows of those who will return one day to awake their happiness, now in hibernation, hoping the promise they made to a loving saint will be fulfilled. The return from a mythical America, or from European “El Dorados”, with dollars, francs or marks in their pockets, gave way to the construction of palaces, detached houses, or “maisons” to show off ostentation, proof of a success that they would have never dreamed of, had they stayed in their land. These magnificent houses, made up of the best materials and with a profusion of ornaments, are often filled only with emptiness and a pungent, lasting silence, since their owners had to return to their jobs abroad, leaving behind the naked and cold image of an uninhabited house, waiting for its owner, who will come back one day ... or not. The "houses of emigrants", wrapped in this atmosphere, will be the referent for a photographic analysis of the paradigm of the various cultural appropriations, natural and sociological identities, in line with the influence of the time and regions where their owners emigrated to. This photographic project will flow into a set of black and white images, extolling the nostalgia of abandonment, in tension and confrontation with colorful images of human presence, or by adornments that bring color to a back and forth movement between here and there.
URI: http://hdl.handle.net/10400.26/18484
Designação: Mestrado em Design e Cultura Visual. Especialização em Estudos de Fotografia
Aparece nas colecções:IADE-U – Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Projeto_CASAS DE EMIGRANTES_joaovidallemos_Junho2016-2 FINALISSIMO.pdf20,76 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.