Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.26/12113
Título: A Logística no contexto da interoperabilidade dos meios operacionais
Autor: Miguel, Luís
Palavras-chave: Forças Armadas Portuguesas
Interoperabilidade
Logística
Logística genética
Meios operacionais
OTAN
Sistemas de armas
UE
EU
Genetic logistics
Interoperability
Logistics
NATO
Portuguese Armed Forces
Weapons Systems
Data: 2009
Editora: IUM
Resumo: O presente estudo avalia as oportunidades e os desafios colocados à logística genética das Forças Armadas portuguesas, no contexto da interoperabilidade dos meios operacionais, face ao novo ambiente estratégico internacional verificado nos princípios do século XXI. Utilizando a metodologia hipotético dedutiva estuda-se as razões que levam as Forças Armadas dos países ocidentais a considerar como fundamental a interoperabilidade dos seus sistemas de armas e equipamentos, entre outros, para responder aos compromissos internacionais através da realização de operações conjuntas e ou combinadas. Procura-se analisar o quadro de legislação e de regulamentação nacional que ordena a actividade de logística genética nacional para perceber as possibilidades conjunturais do país, a fim de conseguir a interoperabilidade dos seus sistemas com os das Forças Armadas de países aliados. Posteriormente, analisa-se, quer no quadro da Aliança quer no da União Europeia, a evolução das metodologias que têm sido adoptadas para obter a interoperabilidade de armamentos e equipamentos a fim de conseguir melhorar a eficiência e aumentar a eficácia das operações. Finalmente, concluiu-se sobre a melhor forma de ultrapassar as dificuldades colocadas a um pequeno país, de forma a manter-se actualizado e em equidade com os restantes países das organizações internacionais a que pertence. Abstract: The present study evaluates both the opportunities and the challenges facing the genetic logistics of the Portuguese Armed Forces, in a context of operational interoperability required by the new 21st century strategic environment. Following a hypothetical deductive method, we studied the reasons that made the Western Armed Forces deem the interoperability between their arm systems and equipment to be fundamental to address international commitments by carrying out joint and/or combined operations. We endeavoured to analyse the national legal framework and regulations that define our genetic logistical activities, in order to ascertain the national possibilities to achieve interoperability between our systems and those of the Allied Armed Forces. We then analysed the evolution of the methodologies applied by both the Alliance and the EU to attain armament and equipment interoperability in order to improve the operations efficiency and effectiveness. Finally, we reached some conclusions concerning the best way to overcome the difficulties faced by a small nation, in order to remain up-to-date and in line with the other members of the international organizations we are part of.
URI: http://hdl.handle.net/10400.26/12113
Aparece nas colecções:IUM-CRC-CPOG - Trabalhos de Investigação Individual

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
TII_14_Cor Botelho Miguel_Logistica Interoperabilidade.pdf447,34 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.