Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.26/11172
Título: Habitar vs trabalhar: a reabilitação de espaços industriais como uma nova tendência
Autor: Godinho, Tânia
Orientador: Vidigal, Nuno
Palavras-chave: Design de ambientes
Loft
Património industrial
Habitação
Trabalho
Tendências
Reabilitação de espaços
Data de Defesa: Dez-2015
Resumo: A atual mudança do paradigma cultural, relacionada com as alterações na sociedade, levou a que um maior número de profissionais de variadas áreas optasse por trabalhar em casa. Partindo deste princípio, a presente dissertação de mestrado procura entender de que modo o espaço habitacional pode ser ajustado às necessidades do individuo enquanto profissional, e de que forma é criado o equilibro fundamental entre espaço privado e espaço laboral. Outro dos pontos principais deste trabalho, visa refletir sobre a preocupação e tendência contêmporanea de reaproveitar e reabilitar edifícios antigos abandonados, por forma a que lhes seja atribuida uma nova dinâmica de habitação. Tomando como premissa as ideais acima referidas, é apresentado um caso prático - meramente projectual - de um designer que se instala no espaço de uma antiga fábrica e que de forma irreverente a transforma no seu lar, tirando partido das novas tecnologias existentes no local de trabalho. Neste cenário, o designer torna o seu tempo mais produtivo e, paralelamente, quebra o cliché de que o trabalho tem de ser feito fora de casa.
URI: http://hdl.handle.net/10400.26/11172
Designação: Mestrado em Design de Produção. Especialização em Design de Ambientes
Aparece nas colecções:IADE-U – Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Tania Godinho - Habitar vs Trabalhar - Tese Projecto .docx.pdf6,92 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.