O Seu Saber Ocupa um Lugar! DSpace

Repositório Comum >
ESEJD - Escola Superior de Educação João de Deus >
ESEJD - Dissertações de Mestrado em Ciências da Educação >
ESEJD - Educação especial – domínio cognitivo – motor (dissertação) >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/123456789/2485

Título: Transição para a vida ativa de jovens com deficiência mental
Autor: Tavares, Sónia Margarida da Silva
Palavras-chave: Necessidades educativas especiais
Deficiência mental
Passagem à vida activa
Integração profissional
Issue Date: Jul-2012
Resumo: O estudo visa apresentar o resultado de reflexões sobre a problemática da transição para a vida adulta de jovens com necessidades educativas especiais (NEE), mais precisamente com deficiência mental. Tendo por base a revisão literária, a nossa reflexão pessoal e a prática profissional com jovens com NEE, procuramos perceber a formar com os agrupamentos de escolas se organizam, quais as respostas educativas e que recursos são implementados de modo a dar cumprimento ao definido pelo Decreto- Lei 3/2008 de 7 de Janeiro, nomeadamente no que respeita aos Plano individuais de Transição (PIT). Destacamos a complexidade intrínseca a esta organização sendo que a escola não poderá ser a única responsável por todo o processo. A articulação entre escola, família e a comunidade é imprescindível. Desta forma, refletimos sobre a construção da identidade social na deficiência e o modo como a transição para a vida adulta é trabalhada na perspetiva do aperfeiçoamento e aquisição de competências que possibilitem a estes jovens com NEE a adaptação plena na sociedade. Na atualidade, a luta contra a discriminação e o combate ao preconceito tem sido grande, as conquistas em diversas áreas, assistindo-se a uma certa evolução numa sociedade com uma visão cada vez mais humana. O estudo permitiu evidenciar a realidade de escolas no Distrito de Aveiro, constatando-se que elas, na sua maioria, têm implementadas respostas educativas diferenciadas de modo a responder às necessidades do seus alunos. No entanto, continuam a debater-se com algumas dificuldades na implementação dos planos individuais por falta de recurso quer humanos e materiais. É de realçar o papel do Professor de Educação Especial neste processo, pois a sua total entrega é preponderante na implementação e desenvolvimento destes planos. No entanto existem ainda dificuldades ao nível da articulação e empenho dos vários intervenientes do processo.
URI: http://comum.rcaap.pt/handle/123456789/2485
Appears in Collections:ESEJD - Educação especial – domínio cognitivo – motor (dissertação)

Files in This Item:

File Description SizeFormat
SóniaTavares.pdf1,36 MBAdobe PDFView/Open
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

Estamos no RCAAP Governo Português separator Ministério da Educação e Ciência   Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Financiado por:

POS_C UE
© 2009 - REPOSITÓRIO COMUM - Comentários - Statistics