O Seu Saber Ocupa um Lugar! DSpace

Repositório Comum >
IESM - Instituto de Estudos Superiores Militares >
IESM - Centro de Recursos de Conhecimento >
IESM - CRC - CPOS - FA - Trabalhos de Investigação Individual >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://comum.rcaap.pt/handle/123456789/1187

Título: Centro de Planeamento e Apoio às Operações Aéreas
Autor: Severiano, Vítor
Palavras-chave: Apoio
Centro
Informação
Operações Aéreas
Planeamento
Táctica
Issue Date: 2009
Resumo: Esta investigação procura, numa fase inicial, abordar a estrutura de Comando e Controlo (C2) atualmente existente, ao nível do planeamento e apoio às operações aéreas militares da Força Aérea Portuguesa (FAP). Pretende-se assim permitir uma melhor compreensão do fluxo de informação operacional relacionado com o objeto de estudo. Da leitura da bibliografia disponível, da experiência do autor e das entrevistas realizadas entendeu-se como importante apresentar os vários níveis hierárquicos, desde o Estado- Maior (EM) do Comando Operacional da Força Aérea (COFA) até ao órgão de execução tático da tarefa aérea, a Unidade Aérea Operacional (UAO). Sublinham-se os requisitos operacionais necessários para atuar em ambiente militar, nacional ou multinacional, com especial relevo para os conceitos relacionados com os cenários da Aliança Atlântica. Esta aproximação tem por intuito referir a importância dos elevados padrões de desempenho das UAO da FAP confrontando-os com as capacidades dos nossos aliados, obtendo assim um grau de aferição da capacidade operacional do nosso capital humano e equipamento militar. Enquadrando depois a investigação em torno das necessidades de planeamento genéricas das UAO nacionais, obtém-se um padrão comum para todos, a partir do qual se pode evoluir no conceito de modelo de Centro de Planeamento e Apoio às Operações Aéreas. Propósito, perspetivar uma estrutura que detenha pessoal técnico especializado no apoio às operações, que possa acompanhar as UAO para cenários de projeção da força em ambiente de Forças Nacionais Destacadas (FND), ou qualquer outro superiormente determinado. Finalmente desenvolve-se um teste às hipóteses selecionadas, com o objetivo de apresentar o mais adequado modelo de Centro de Planeamento e Apoio às Operações Aéreas, que potencie o reduzido número do efetivo pela utilização de ferramentas de planeamento e C2 adequadas. Este estudo, baseado no método de Raymond Quivy e Luc Van Campenhoudt, tem por objetivo apresentar uma investigação sobre a organização de um Centro de Planeamento e Apoio às Operações Aéreas a estabelecer em Unidades Base (UB) da FAP, analisando as várias vertentes quanto ao seu desempenho. Abstract: The purpose of this research, at an early stage, is to approach the current Command and Control (C2) structure of the Portuguese Air Force (PRT AF) at the planning and support levels of air operations. This will allow for a better understanding of the operational information flow related to the object of study. From the reading of the available bibliography, the author’s own experience, and the interviews carried out, it was considered important to introduce the different hierarchic levels, from the Air Force Operational Command Staff (COFA) to the tactical executioner of the air task, the Operational Air Unit (UAO). An approach to the necessary operational requirements for operations in a military environment, either national or international, with particular emphasis on the concepts related to the Alliance, is also introduced. The point is to discuss the importance of the high performance standards of the PRT AF UAO, comparing them to capabilities of our allies, thus obtaining a degree of gauging of the operational capability of our human resources and military equipment. Afterwards, focusing the research around the generic planning needs of the national Air Units, a common standard from which to evolve in the model concept of the Air Operations Support and Planning Center is achieved. The purpose is to envisage a structure of personnel specialized in the support of air operations, able to follow the UAO to deployments in Detached National Forces (FND), or any other required environment. Finally a test to the formulated hypotheses is developed, with the purpose of introducing the most suitable model of Air Operations Support and Planning Center, which will make up for the small number of personnel available through the use of adequate C2 and planning tools. This study, based on the Raymond Quivy and Luc Van Campenhoudt method, intends to introduce a research on the organization of an Air Operations Support and Planning Center to implement in PRT AF bases, analyzing the different perspectives as to its performance.
Arbitragem científica: yes
URI: http://comum.rcaap.pt/handle/123456789/1187
Appears in Collections:IESM - CRC - CPOS - FA - Trabalhos de Investigação Individual

Files in This Item:

File Description SizeFormat
TII_CAP VITOR SEVERIANO.pdf1,02 MBAdobe PDFView/Open
Statistics
FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpaceOrkut
Formato BibTex mendeley Endnote Logotipo do DeGóis 

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

Estamos no RCAAP Governo Português separator Ministério da Educação e Ciência   Fundação para a Ciência e a Tecnologia

Financiado por:

POS_C UE
© 2009 - REPOSITÓRIO COMUM - Comentários - Statistics