Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.26/9054
Título: Avaliação Diagnóstica: a sua influência na prática letiva na disciplina de Biologia e Geologia
Autor: Martins, Maria de Fátima Lopes
Orientador: Jorge, José Reis
Rodrigues, Rosária Maria Jorge dos Santos
Data de Defesa: 2013
Resumo: Este estudo teve como objetivo geral conhecer como a Avaliação Diagnóstica e os seus resultados são utilizados na planificação da disciplina de Biologia e Geologia. Através da análise da aplicação da avaliação diagnóstica pretendeu-se dar um contributo para melhorar a operacionalização do currículo e consequentemente as práticas letivas e o aproveitamento dos alunos. Trata-se de uma investigação de natureza qualitativa na qual os dados foram recolhidos através de inquéritos por questionário e por entrevista e ainda de análise documental, incluindo os registos de avaliação e planificação das Unidades Didáticas. Existem poucos registos da atividade docente, das suas práticas e da avaliação que fazem aos seus alunos. Os professores consideraram a avaliação diagnóstica importante para a planificação da disciplina de Biologia e Geologia, nomeadamente na planificação das Unidades Curriculares, no entanto nem todos os professores a utilizam. A maioria dos docentes referiu que o tempo disponível não condiciona a aplicação da avaliação diagnóstica. Concordam que é preciso alterar estratégias em relação à avaliação diagnóstica, construir novos instrumentos, uma vez que a principal forma de aplicação é através de testes escritos, que muitas vezes são semelhantes aos que são construídos para os outros tipos de avaliação. Desta forma poderá haver motivação para aplicar mais regularmente a avaliação diagnóstica. Também consideram que os alunos não atribuem importância à avaliação diagnóstica, uma vez que este tipo de avaliação não intervém na classificação final.
The present study intends to understand how Diagnostic Evaluation and its results are used in the planification of the Biology and Geology course. Through analyzing the application of diagnostic evaluation this study intends to contribute to improve curriculum operationalization and, consequently, teaching practices and student achievement. It consists in a qualitative research and the data will be collected through a qualitative inquiry by questionnaire and interview and also document analysis, including the evaluation records and Unit planification. There are few records of teaching activity, its practices and its evaluation methods. Teachers consider diagnostic evaluation as an important step in the Biology and Geology course planification, specifically in planning Curriculum Units, however not all teachers use this approach. Most teachers declared that the time available to do so does not limit the application of diagnostic evaluation. They agree the strategies relating to diagnostic evaluation need to change and new tools should be developed since the main way of applying it is through written tests, which are often similar to other types of evaluation. Therefore there might be an incentive to use diagnostic evaluation more frequently. They also consider that students don’t value diagnostic evaluation, since this type of assessment does not translate into a numeric score with influence in the final grade.
URI: http://hdl.handle.net/10400.26/9054
Designação: Mestrado em Ciências da Educação - Área de Especialização em Supervisão Pedagógica
Aparece nas colecções:ISEC - EE - Mestrado em Ciências da Educação - Área de Especialização em Supervisão Pedagógica

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Dissertaçao Final Fátima Martins.pdf1,59 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.