Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.26/8982
Título: Iniciativas de compensação de emissões de gases com efeito de estufa: O caso português
Autor: Feliciano, Rafaela Carreira
Orientador: Santos, Isabel Abreu dos
Oliveira, Nuno Gaspar de
Martins, Ana
Palavras-chave: Compensação de emissões de gases com efeito de estufa
Greenwashing
Alterações Climáticas
Mercados Voluntários de Carbono
Data de Defesa: 2013
Resumo: A compensação de emissões recorre ao Mercado Voluntário de Carbono, que surgiu paralelamente ao Protocolo de Quioto, sendo que com este mecanismo, as empresas e pessoas aderem de forma opcional à compra de créditos de carbono para anularem as suas emissões de gases com efeito de estufa. Surge também a preocupação com a utilização de técnicas de marketing, que levam à falta de transparência e confiança nestes mecanismos e que podem induzir as partes interessadas em erro. O Greenwashing, é um conceito relativamente recente mas pressupõe que, apesar de a mensagem transmitir boas práticas ambientais, na prática os “comportamentos” não refletem a mensagem difundida. A metodologia aplicada neste trabalho foi a análise documental e bibliográfica, e a aplicação de dois questionários a empresas e consumidores portugueses de forma a perceber as suas metodologias e perceções, quanto às iniciativas de compensação de emissões de gases com efeito de estufa. As conclusões preliminares indicam a possibilidade de afirmar, que o caminho a percorrer pressupõe a clarificação das expetativas e conceitos bem como a adoção de novas formas de uniformização permitindo assim a adesão de novas entidades sem desvirtuar os objetivos para o qual estes mecanismos foram criados, ou seja a incorporação da gestão de carbono na gestão empresarial. Por outro lado o conhecimento dos portugueses relativo a estes mecanismos comparativamente com outros estudos apresentados é representativo, no entanto o grau de confiança nos mesmos é reduzido. Este estudo surge como um mecanismo de tomada de consciência, seja para as Empresas como para os consumidores e sugere um conjunto de medidas que podem fomentar a procura de créditos de carbono nomeadamente a implementação de medidas de sensibilização (a Empresas e consumidores) e a definição de ações Governamentais como a criação de políticas que permitam a redução de custos para as Empresas.
URI: http://hdl.handle.net/10400.26/8982
Designação: Mestrado em Gestão Integrada da Qualidade, Ambiente e Segurança
Aparece nas colecções:ISEC - ETEA - Mestrado em Gestão Integrada da Qualidade, Ambiente e Segurança

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Tese de Mestrado Rafaela Carreira Feliciano.pdf1,82 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.