Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.26/8647
Título: DGME: O reabastecimento na unidade ou no órgão. Estudo na modalidade economicamente mais rentável
Autor: Antunes, Luís
Palavras-chave: Logística
Reabastecimento no órgão
Reabastecimento na unidade
Eficiência
Data: 1-Ago-2010
Editora: Academia Militar. Direção de Ensino
Resumo: Este trabalho tem o propósito de analisar o actual método de reabastecimento e averiguar se este é o mais ajustado economicamente para o Exército Português. O reabastecimento é uma temática relevante, pois é reconhecida a escassez de recursos e no entanto é possível identificar ineficiência na utilização dos mesmos. Este trabalho ambiciona dar contributos para o aperfeiçoamento do método de reabastecimento do Exército, no sentido de uma maior racionalidade dos seus recursos. Para cumprir o objectivo proposto, esta investigação divide-se essencialmente em duas partes, uma teórica e outra prática . Na primeira efectua-se o enquadramento teórico onde são abordados os conceitos de logística, reabastecimento, sistema logístico e ainda o planeamento de rotas, inerente à questão dos transportes. Na segunda parte apresenta-se o trabalho de campo, os resultados obtidos e a sua an álise, as conclusões e recomendações. A metodologia utilizada assentou, na primeira parte, numa pesquisa bibliográfica, em publicações que abordam a problemática do reabastecimento. Na segunda parte, visto este trabalho ser uma investigação, a metodologia cingiu-se à análise documental e a inquéritos por entrevista, visando a obtenção de uma percepção alargada do funcionamento do reabastecimento. No final da investigação concluiu-se que dadas as ineficiências detectadas, é possível, através de uma mudança, realizar uma optimização do processo, levando a uma redução de custos no actual processo de reabastecimento no órgão, porém, o reabastecimento na unidade apresenta sinais de maior eficiência, sem aparentes perdas na eficácia, pensando se que mesmo os custos associados a um maior planeamento, não desequilibrem essa vantagem.
Abstract This work aims to analyze the current method of supply and see if this is the most economically cost effective for the Portuguese Army. Supply is a relevant issue because it is recognized that resource scarcity and yet it is possible to identify inefficiencies in its use. This work aims to suggest an input to improve the method of supply in the Army, to a greater rational use of its resources. To meet this objective, this research is divided essentially into two parts, theoretical and practical. The first carried out the theoretical framework which addresses the concepts of logistics, supply, logistics system and also route planning, inherent to the transport i ssue. The second part presents the fieldwork, the results and their analysis, conclusions and recommendations. The methodology on the first part is based on a search of the literature, i n publications dealing with the problem of supply. In the second part, as this work is an investigation, the methodology has confined itself to analyzing documentary and interview inquiries, seeking to obtain a widespread perception of the supply operation. At the end of the investigation it was concluded that given the inefficiencies detected, it is possible, through a change, to perform an optimization process, leading to a reduction in costs in the current supply process, however, supply process in the unit shows signs of greater efficiency, without apparent loss in effectiveness, thinking that even the costs associated with increased planning, not whack that advantage.
URI: http://hdl.handle.net/10400.26/8647
Aparece nas colecções:AM - CS - EGARH - Trabalho de Investigação Aplicada (TIA) - Mestrado Integrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Antunes_ADMIL_2010_DGME - Reab na Un ou no órgão.pdf1,22 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.