Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.26/8464
Título: Na Demanda do Graal em Portalegre : o sentido educativo e social do Projecto Promoção Humana e Evangelização desenvolvido na década de sessenta e setenta do século XX em Portalegre
Autor: Cordeiro, Cidália de Jesus Caldeira Pereira
Orientador: Mogarro, Maria João
Palavras-chave: Educação transformada e transformadora
igualdade de género
plano de alfabetização de adultos
evangelização das populações rurais
desenvolvimento comunitário
Transformed and transforming education
gender equality
adult literacy plan
evangelization of rural populations
community development
Data de Defesa: 2012
Resumo: Este trabalho visa compreender a acção empreendida por um grupo de mulheres que na década de sessenta e setenta do século vinte, em Portalegre e nos seus arredores, teve a coragem de realizar uma experiência piloto que veio cimentar o desenvolvimento local, intervindo a nível social, cultural e cristão, por via de uma educação emancipadora. O Projecto Promoção Humana e Evangelização constituiu-se como um “laboratório vivo” de experiência social. Contribuiu para o despertar da identidade cultural de uma região, contrariando desta forma a sua interioridade e o seu isolamento. A acção do Graal em Portalegre veio conferir uma orientação inédita e criadora aos problemas sociais quando defendeu, através de uma pedagogia da “conscientização”, que cada indivíduo se deveria assumir livre e criticamente no seio da comunidade em que vive. Procurava-se fomentar uma cidadania comprometida e empreendedora. Tratou-se de um passo pioneiro em Portugal que assentou num forte compromisso com os mais desfavorecidos, iluminado por um resistente, intenso amor a Cristo. Por último, este trabalho propõe-se evidenciar a actualidade e a pertinência da acção do Movimento Graal em Portalegre, mais especificamente do Projecto Promoção Humana e Evangelização, como uma experiência que, apesar dos seus cinquenta anos de existência, pelo seu discurso e dinamismo, continua hoje a ser oportuna e actual.
This thesis aims at understanding the action taken by a group of women who, during the 1960s and 1970s, in Portalegre and its outskirts, had the courage to carry out a pilot experience which consolidated local development, by intervening at social, cultural and Christian levels, through an emancipating education. The Human Promotion and Evangelisation Project established itself as a social experience “living laboratory”. It contributed to the awakening of the cultural identity of a region, thus countering its isolation. The action of the Graal in Portalegre gave a unprecedented and creative direction to social problems, when it defended, by way of an “awareness” pedagogy, that each individual should establish himself free and critically within the community where he lives. It aimed at fostering a committed citizenship. This was a pioneering step in Portugal, based upon a stong committment to the most disadvantaged groups, guided by an unfailing love for Christ. Finally, this thesis proposes to highlight the timeliness and relevance of the action taken by the Graal movement in Portalegre, and more specifically by the Human Promotion and Evangelisation Project, as an experiment that despite its experience of fifty years, and thanks to its message and dynamism, is still appropriate and relevant.
URI: http://hdl.handle.net/10400.26/8464
Aparece nas colecções:IPP - ESECS - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Cidália de Jesus Caldeira Pereira Cordeiro.pdf27,26 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.