Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.26/8402
Título: Educação e Difusão da Ciência em Portugal : A “bibliotheca do povo e das escolas” no contexto das edições populares do século XIX
Autor: Nabo, Olímpia de Jesus de Bastos Mourato
Orientador: Mogarro, Maria João
Palavras-chave: educação popular
progresso
modelos culturais
livro impresso
estratégia editorial e colecção
popular education
progress
cultural models
printed book
editorial strategy and collection
Data de Defesa: 2012
Resumo: Nos finais de oitocentos, a intelectualidade portuguesa via na educação popular o caminho para se alcançar o progresso e a civilização. Esta elite, influenciada pelo positivismo, defendia a educação científica do povo, transmissora de conhecimentos úteis. David Corazzi, a partir de 1881, editou a “Bibliotheca do Povo e das Escolas”. Trata-se de uma colecção popular destinada a um vasto público formado por Portugueses e Brasileiros escolarizados, mas carentes de uma educação científica e literária. Propomo-nos inserir a colecção no contexto das edições populares oitocentistas, ligando-a às práticas de apropriação, produção e circulação de modelos culturais, e reconhecê-la como produto de uma estratégia editorial que visava a educação e a difusão da ciência. Optámos por uma abordagem qualitativa, centrada na pesquisa documental e na análise do conteúdo de dezoito opúsculos desta colecção que fornecem dados relevantes para a investigação. Este estudo possibilita revelar os discursos dos autores, transmissores de civilidade e de conhecimentos úteis sobre as práticas de saúde e de higiene no universo doméstico. A “Bibliotheca do Povo e das Escolas”, até 1913, consumou a missão educativa e civilizadora e possibilitou a circulação de um corpus de conhecimentos científicos entre Portugal e Brasil.
By the end of the nineteen century, the Portuguese intellectual elite regarded popular education as a way to achieve success and civilization. Influenced by positivism, this elite defended the scientific education of the people, which transmitted useful knowledge. From 1881 onwards, David Corazzi edited the “Bibliotheca do Povo e das Escolas”. It is a collection of popular nature addressed to a wide audience of educated Portuguese and Brazilians, but lacking scientific and literary education. We intend to insert this collection in the context of the nineteen-century popular editions, connecting it to the practice of appropriation, production and circulation of cultural models and recognizing it as a product of editorial strategy aiming education and dissemination of science. We chose a qualitative approach focused on documental research and analysis of the content of eighteen fascicles of this collection which provide important data for this investigation. This study permits to reveal the authors’ discourses, transmitting civility and useful knowledge about practices of health and hygiene in the domestic world. Until 1913, the “Bibliotheca do Povo e das Escolas” accomplished the educative and civilizing mission and made possible the circulation of a corpus of scientific knowledge between Portugal and Brazil.
URI: http://hdl.handle.net/10400.26/8402
Aparece nas colecções:IPP - ESE - Dissertações de Mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Olímpia de Jesus de Bastos Mourato Nabo.pdf4,53 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.