Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.26/8245
Título: O emprego do Exército em missões de segurança interna
Autor: Mendes, Sérgio
Palavras-chave: Segurança Interna
Exército
Missões
Vigilância
Recursos
Data: 1-Ago-2010
Editora: Academia Militar. Direção de Ensino
Resumo: A segurança dos cidadãos reflecte-se nas políticas de segurança interna adoptadas pelo governo de um país. Com a emergência de novos riscos e ameaças à escala global torna-se necessário perceber as diversas formas de fazer face a essas incertezas, sendo essencial analisar as formas de participação de todos os meios ao seu dispor, nomeadamente o Exército, tal como a pertinência da sua utilização na manutenção da segurança interna. O objectivo deste estudo consiste em investigar as circunstâncias em que o Exército poderá ser empregue em missões de segurança interna. Atendendo à metodologia utilizada, a investigação foi desenvolvida com base no método hipotético - dedutivo ou de verificação de hipóteses e no método inquisitivo, através da realização de um inquérito por questionário a uma amostra representativa e estratificada de oficiais da GNR e do Exército com conhecimento nesta área, sendo que os resultados da análise conjunta das entrevistas e dos inquéritos dão a conhecer a opinião dos vários intervenientes no estudo. Dos resultados obtidos, destaca-se a possibilidade do Exército vir a desempenhar algumas missões de segurança interna, nomeadamente protecção, socorro e auxílio de pessoas e preservação bens; a vigilância e protecção de pontos sensíveis; colaboração na prestação de honras de Estado e execução de acções de prevenção e de intervenção em primeira linha, em situação de emergência de protecção e socorro. Porventura, para que este empenhamento se concretize há necessidade do Exército dispor de recursos, meios técnicos e formação adequada à nova realidade.
Abstract The citizens‟ security reflects itself on the internal security politics adopted by a country government. With the manifestation of new threats and risks at a global scale it becomes necessary to understand the many ways of acting against those incertitudes, being essential to analyze the participation forms of all the means at its disposal, namely the Army, as its pertinent use in the internal security maintenance. This study goal consists in investigating the circumstances in which the Army might be used in internal security missions. Referring to the used methodology, the investigations was developed in a hypothetic method-deductive base, or of hypothesis verification and in the inquisitive method, through the undertaking of a survey to a representative and stratified sample of the Republican National Guard and Army officers with knowledge in this area, the compilation of results of the interviews and the survey will show the opinion of the intervenient in the study. Among the results, it stands out the possibility of the Army undertaking some internal security missions, naming protection, safe and rescue of people on goods; surveillance and protection of sensible spots; collaboration in State Honors and execution of prevention actions and first line intervention, in emergency, safe and rescue situations. However, for this to happen it is necessary that the Army has in its disposal, technical means and adequate formation given the new reality.
URI: http://hdl.handle.net/10400.26/8245
Aparece nas colecções:AM - CM - VS - Trabalho de Investigação Aplicada (TIA) - Mestrado Integrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Inf-752-Sérgio Mendes.pdf1,78 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.