Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.26/7618
Título: Necessidades de Informação dos Familiares/Pessoa Significativa dos Clientes Cirúrgicos, no Bloco Operatório
Autor: Monteiro, Maria Odete Martins Fernandes
Orientador: Cabrita, Madalena
Palavras-chave: Enfermeiro Perioperatório
Familiares
Necessidades de Informação
Bloco Operatório
Data de Defesa: Jan-2015
Editora: Instituto Politécnico de Setúbal. Escola Superior de Saúde
Resumo: O presente relatório surge no âmbito do 1º Curso de Mestrado em Enfermagem Perioperatória tem como finalidade descrever a análise reflexiva realizada sobre a prática em contexto de estágio, as aprendizagens e o desenvolvimento de competências conducentes ao grau de Mestre em Enfermagem Perioperatória. O enquadramento teórico aborda a qualidade em saúde, a enfermagem, e em particular a enfermagem Perioperatória, à luz da Teoria de Merle Mishel. Apresentamos a investigação realizada, centrada nas “Necessidades de Informação dos Familiares/Pessoa Significativa dos Clientes Cirúrgicos, no Bloco Operatório”, desenvolvida segundo a metodologia de projeto. Este estudo de natureza descritiva permitiu caraterizar os familiares/pessoas significativas maioritariamente do sexo feminino (75%), esposas (35,7%), com idades médias de 51,29 anos, na maioria, com escolaridade primária (26,8%) ou com 12ºano (23,1%), com profissões fora da área da saúde (42,9%), ou reformadas (32,1%). Mais de 90% da amostra recebeu informação sobre o decorrer da cirurgia do seu ente querido, no fim da intervenção cirúrgica e à saída da UCPA. Referem que não necessitam de outro tipo de informação para além daquele que foi fornecido, embora 10,7% (n=6) considerou que faltava informação médica. A maioria dos inquiridos (91,1%) avalia a informação fornecida pelo enfermeiro perioperatório de “muito” importante. Verificaram-se elevados níveis de satisfação com a informação disponibilizada pelo enfermeiro do bloco operatório às famílias, (76,8%). Estes dados foram apresentados e discutidos com a equipa de enfermagem onde se realizou estágio, tendo decorrido estratégias de melhoria da prática. Os resultados justificam a importância de um papel de enfermeiro perioperatório que colmata as necessidades de informação dos familiares/pessoa significativa do cliente cirúrgico, no bloco operatório, são também o reflexo da vontade intrínseca de uma equipa perioperatória, em melhorar os cuidados prestados em busca de melhores padrões de qualidade como a satisfação dos clientes cirúrgicos.
Descrição: Relatório de Estágio de Mestrado em Enfermagem Perioperatória
URI: http://hdl.handle.net/10400.26/7618
Aparece nas colecções:IPS - ESS - BIBLIOTECA - Dissertações de mestrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Relat.Estágio_MEPO_120523021.pdf1,6 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.