Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.26/6870
Título: A Formação de oficiais na AM: perspetivas dos oficiais de Infantaria
Autor: Silva, Luís
Palavras-chave: perspetivas
oficiais
formação
currículo
Academia Militar
Data: 1-Ago-2012
Editora: Academia Militar. Direção de Ensino
Resumo: Os atuais cenários de atuação e os esperados para o futuro são cada vez mais exigentes para os militares, e sobretudo para os comandantes. Nesse sentido, as instituições de ensino militar, e muito particularmente a Academia Militar faz assentar a sua formação em três vetores principais: a formação académica, a formação militar e comportamental e o treino físico. Com a pesquisa realizada, pretende-se aferir o que pensam os jovens oficiais (designadamente os subalternos) da formação recebida na AM, tendo em conta a importância relativa que atribuem aos vetores formativos no âmbito do desempenho de funções para as quais foram preparados. Este estudo demonstra as perspetivas dos subalternos, mas apresenta também, ainda que muito sumariamente, o ponto de vista de alguns oficiais envolvidos na formação.Dividiu-se para isso o trabalho em duas partes essenciais: uma primeira parte de índole mais teórico, onde se suporta o estudo e uma segunda parte eminentemente prática, baseada em questionários e entrevistas que permitiram obter dados quantitativos e qualitativos, respetivamente. Analisando os questionários aplicados, verifica-se que os subalternos mostram alguma discordância em relação às componentes da formação recebida, nomeadamente no que toca ao balanceamento nas três áreas anteriormente descritas e quanto ao peso de algumas áreas disciplinares. Estas perspectivas divergem, em alguns aspectos, das que foram apuradas através das entrevistas a oficiais ligados à formação.
Abstract The current action scenarios as well as the scenarios expected for the future are becoming more and more demanding for the military personnel, mainly for those with command responsibilities. Thus, the institutions of military training and the Military Academy in particular, focus their training upon three main areas: the academic training, the military and behavioral training and the physical training. The present research intends to evaluate what young officers (namely junior officers) think about the training received at the Military Academy, taking into account the importance they confer to the different training areas regarding their own performance in terms of the tasks they must be proficient. This study shows the perspectives of junior officers, and also presents, though very briefly, the points of view of some officers involved in the training. Hence, the study is divided into two main parts: the first and more theoretical part which supports the study; the second and more practical part, based on surveys and interviews which have given rise to the quantitative and qualitative data. Through the analysis of the questionnaires, some conflicting points regarding the components of training became visible amongst junior officers, particularly those concerning the balance between the three areas described above and the amount of training received in some scientific areas. These perspectives differ in some aspects of which were cleared through interviews with officials linked to training.
URI: http://hdl.handle.net/10400.26/6870
Aparece nas colecções:AM - CM - CHCM - Trabalho de Investigação Aplicada (TIA) - Mestrado Integrado

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
[Asp Of Al Inf Luís Silva].pdf2,71 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.