Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.26/6700
Título: Apreciação subjetiva do estado de saúde e do nível de felicidade entre os idosos portugueses e espanhóis
Autor: Calha, António
Palavras-chave: envelhecimento
estado de saúde
felicidade
qualidade de vida
Data: 2014
Editora: Referência – Revista de Enfermagem
Resumo: As sociedades europeias deparam-se hoje com desafios sociais que decorrem do rápido processo de envelhecimento demográfico. O surgimento de uma “sociedade grisalha” tem suscitado o debate em torno dos processos de promoção das condições de vida dos idosos. A satisfação com a vida e a felicidade têm-se afirmado como uma componente essencial a preservar e promover no processo de envelhecimento. Neste artigo procuramos analisar o nível de felicidade da população idosa, enquanto dimensão importante do conceito de qualidade de vida, correlacionando-o com a apreciação subjetiva do estado de saúde. Centramo-nos na caracterização das realidades portuguesa e espanhola. A condição sénior é, nestes países, marcada pelas especificidades do contexto social, onde se destaca o papel do modelo familiar tradicional do sul da Europa.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.26/6700
ISSN: 0874.0283
Aparece nas colecções:IPP - C3i - Comunicações em Conferências e Congressos Internacionais



FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.