Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.26/2179
Título: As escudelas medievais de Faro. Sua função e áreas de distribuição
Autor: Gamito, Teresa
Palavras-chave: Cerâmica medieval
Majólica
Escudelas
Idade Média
Séc. 14-16
Faro (Portugal)
Data: 1991
Resumo: As chamadas escudelas ou escudillas em majólica ou apenas em simples barro de cor amarelada, são bastante comuns em contextos medievais portugueses ou espanhóis dos séculos XIV a XVI. Estas taças tornaram-se, de um modo geral, num traço característico dos seus estratos de ocupação na época, quer nos povoados continentais, onde estas formas cerâmicas se tornaram extremamente populares durante aqueles séculos, como também em todos os pontos dos primeiros contactos coloniais de portugueses e espanhóis, quer na costa de África como da América, aspecto para o qual certamente muito contribuiu a robustez e forma prática destas tigelas, permitindo o seu fácil empilhamento e transporte. Assim, esta cerâmica tornou-se um artefacto diagnóstico seguro da época, e a sua ocorrência em estratos correspondentes na cidade medieval de Faro, vêm corroborar a ideia quanto ao seu uso generalizado e funcional.
URI: http://hdl.handle.net/10400.26/2179
Aparece nas colecções:CAM - Comunicações em Conferências Internacionais

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
21_escudelas_medievais_Faro._Sua_função_áreas_distribuição_CMMO_1991.pdf1,15 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.