Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.26/1548
Título: O Processo de Paz: Análise Histórica da Política Americana Relativamente à Questão Palestiniana
Autor: Pinto, Maria do Céu Ferreira
Palavras-chave: Conflito
Diplomacia
EUA
Guerra dos seis dias
Israel
Líbano
Médio Oriente
Processo de paz
OLP
Palestina
Política internacional
Síria
Data: 1997
Editora: Instituto da Defesa Nacional
Relatório da Série N.º: Ano XXII;Nº 82 (Abril-Junho 1997)
Resumo: Desde a Segunda Guerra que os Estados Unidos têm mantido uma presença activa no Médio Oriente por razões económicas e estratégicas de peso. A partir da guerra de 1967, Washington tem estado envolvido na procura de uma solução pacífica para o contlito israelo-árabe. Nalguns momentos, os Estados Unidos providenciaram tanto uma dinâmica como suporte logístico eficiente a todo este esforço diplomático e tal tem sido o processo de paz no seu melhor. A maior parte do tempo, contudo, o processo de paz tem sido pouco mais do que um mecanismo que mascara a passagem do tempo. Na realidade, este processo tem servido por regra para adiar uma solução satisfatória e global para os Palestinianos e para contentar as pretensões dos vizinhos árabes, nomeadamente Síria e Líbano. A falta de empenhamento dos Estados Unidos em favor daqueles é consequência da «relação especial» que une os EUA a Israel e do funcionamento do aparelho político americano, especialmente do Congresso.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.26/1548
ISSN: 0870-757X
Versão do Editor: http://www.idn.gov.pt/publicacoes/nacaodefesa/textointegral/NeD82.pdf
Aparece nas colecções:IDN - Revista Nação e Defesa

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
NeD82_MariadoCeuFerreiraPinto.pdf786,83 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.