Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.26/1537
Título: A Identidade Europeia de Segurança e Defesa : alguns elementos sobre a evolução da posição portuguesa
Autor: Barroso, José Manuel Durão
Palavras-chave: Segurança europeia
IESD
Portugal
Data: 1998
Editora: Instituto da Defesa Nacional
Relatório da Série N.º: 2ª Série;Nº 84 (Inverno 1998)
Resumo: A posição portuguesa é hoje claramente favorável à Identidade Europeia de Segurança e Defesa, propugnando o emprego pela UEO dos meios da NATO e apoiando o objectivo de progressiva integração da UEO na União Europeia. Esta orientação insere-se num desenvolvimento gradual da doutrina desde que Portugal aderiu à União Europeia. Nesta, Portugal tem reagido à percepção da ameaça de marginalização relativamente aos principais centros de decisão. Daí a vontade política no sentido de evitar a condenação de Portugal a um estatuto de "perifericidade". Neste contexto não é exagerado afirmar que a evolução da posição portuguesa em matéria de identidade europeia de segurança e defesa se explica basicamente pelas mesmas razões que levaram Portugal a integrar desde o início o sistema de Schengen e a aderir ao Sistema Monetário Europeu, e que hoje conduzem o governo a declarar como primeira prioridade a inclusão de Portugal no núcleo fundador do euro. Com efeito, a preocupação de Lisboa tem sido a de evitar que um qualquer "núcleo duro" venha a remeter Portugal para uma segunda divisão europeia.
Peer review: yes
URI: http://hdl.handle.net/10400.26/1537
ISSN: 0870-757X
Versão do Editor: http://www.idn.gov.pt/publicacoes/nacaodefesa/textointegral/NeD84.pdf
Aparece nas colecções:IDN - Revista Nação e Defesa

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
NeD084_JoseManuelDuraoBarroso.pdf487,08 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.