Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.26/10756
Título: A afectividade e sexualidade dos adolescentes com T21 que frequentam o 2.º e 3.º Ciclo do Ensino Básico público da área da Grande Lisboa e as suas implicações na transição para a vida adulta
Autor: Sequeira, Ana Cristina
Orientador: Freire, Sofia
Palavras-chave: Trissomia 21
sexualidade
educação sexual
transição para a vida adulta
Trisomy 21
sexuality
sex education
transition to adulthood
Data de Defesa: 2011
Resumo: Esta investigação de cariz qualitativo surge num contexto político marcado pela contradição, em que por um lado se defendem ideais inclusivos, por outro, continuamos a assistir à existência de barreiras que dificultam o acesso de jovens com T21 a uma educação de qualidade, e especificamente à ES. Para além disso, da revisão da literatura ressalta que a maneira como o meio envolvente percepciona a sexualidade e afectividade dos jovens com T21 vai afectar não só o modo como os próprios jovens vivem a sua sexualidade e afectividade, como também a sua transição para a vida adulta. Numa altura em que se defende oportunidades iguais, valores de equidade e justiça social é, pois, extremamente importante conhecer a afectividade e a sexualidade dos adolescentes com Trissomia 21 (T21) e as suas implicações para a vida adulta. Assim, esta investigação tem como objectivos gerais: 1) compreender a afectividade e a sexualidade dos adolescentes com T21 e as suas implicações na transição para a vida adulta; 2) elaborar um programa de educação sexual direccionado para os jovens adolescentes com T21. Como objectivos específicos definimos, os seguintes: a) descrever os comportamentos afectivos e sexuais dos jovens adolescentes com T21; b) conhecer/identificar as atitudes dos familiares próximos, dos docentes e da auxiliar pedagógica da educação especial perante os comportamentos afectivos e sexuais dos jovens adolescentes com T21 e c) em relação à transição para a vida adulta dos jovens adolescentes com T21. Para a sua consecução envolvemos quatro jovens com T21, os respectivos encarregados de educação, directores de turma, a respectiva docente da educação especial e a auxiliar pedagógica da educação especial. Os métodos de recolha de dados utilizados foram a entrevista, a observação participante e a análise documental. Com este estudo concluímos que os jovens adolescentes com T21 apresentam comportamentos de cariz afectivo-sexual, que querem constituir família e exercer uma profissão. As atitudes dos pais e da escola constituem um factor controlador e repressor das manifestações afectivo-sexuais dos jovens adolescentes com T21.
This is a qualitative research that emerges within a contradictory political context. Indeed, on the one hand, inclusive education is a general social and educational aim, but on the other hand, several barriers still make it difficult for students with trisomy 21 (T21) to have a quality education, namely empowering sexual education. Besides, scientific literature points that family and school affects how these students will experience their own affectivity and sexuality and, eventually, their transition to adulthood. In a period where equal opportunities for all, and social justice and equity are principles most valued, it is extremely important to understand the affectivity and sexuality of adolescents with trisomy 21 (T21) and its implications for adult life. Considering this, the two general objectives of the present study were: 1) To understand the affectivity and sexuality of adolescents with T21and their implications for the transition to adulthood and, 2) to develop a sex education program targeted at young teenagers with T21. Specific objectives were: a) to describe the emotional and sexual behaviors of young adolescents with T21, b) to understand / identify the attitudes of close relatives, teachers, teacher of special education and assistant of special education in what concerns the emotional and sexual behaviors of young adolescents with T21 and c) in what concerns their transition to adulthood. Participated in this study: four students with T21; their parents; their teachers/directors of the class; their special education teacher and their special education assistant. Data collection methods were the interview, participant observation and document analysis. Results highlight that, students with T21 exhibit affective-sexual behaviors; they want to form a family and to have a profession. The attitudes of parents and school constitute a controlling and repressing factor of the affective-sexual demonstrations of those students.
URI: http://hdl.handle.net/10400.26/10756
Designação: Mestrado em Necessidades Educativas Especiais - Área de Especialização Cognitivo e Motor
Aparece nas colecções:ISEC - EE - Mestrado em Necessidades Educativas Especiais - Área de Especialização em Cognição e Motricidade

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
tese.pdf628,45 kBAdobe PDFVer/Abrir
agrade+resumo+indices.pdf35,02 kBAdobe PDFVer/Abrir
Anexos.pdf286,35 kBAdobe PDFVer/Abrir
capa.pdf38,26 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.