Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.26/10752
Título: O processo de transição dos alunos com necessidades educativas especiais para a vida pós-escolar: um estudo de caso no centro de recursos para inclusão do concelho de Guimarães
Autor: Mota, Ana Paula Roriz
Orientador: Amado, Nuno
Palavras-chave: Processo de Transição
Plano Individual de Transição
Necessidades Educativas Especiais
Centro de Recursos para a Inclusão
Transition Process
Individual Transition Plan
Special Needs
Resource Centre for Inclusion
Data de Defesa: 2013
Resumo: O presente estudo tem como objectivo caracterizar as respostas proporcionadas aos alunos com Necessidades Educativas Especiais (NEE) no processo de transição para a vida adulta que estão a ser implementadas no Centro de Recursos para a Inclusão (CRI) do concelho de Guimarães e identificar os facilitadores e as barreiras ao processo de elaboração e implementação dos Planos Individuais de Transição (PIT). O processo de transição necessita de ser planeado e trabalhado, na medida em que o presente e futuro do jovem estão frequentemente condicionados pelo conjunto de oportunidades a que este pôde aceder. Importa portanto aferir que recursos estão disponíveis aos alunos com necessidades educativas especiais neste processo, principalmente numa altura em que a situação financeira do país condiciona transversalmente, quer o sector educativo, quer o mercado de trabalho. Tendo em conta a temática e objectivos em estudo, optou-se por um estudo de natureza qualitativa e carácter exploratório, do tipo estudo de caso. Para a recolha de dados foram desenvolvidos e utilizados um Questionário de Contextualização da Instituição em questão e um Guião de Entrevista. A amostra constitui-se por sete dos profissionais que fazem parte da equipa que participa no processo de elaboração e implementação dos PIT a cargo do CRI, incluindo a visão de um empregador. De acordo com os dados recolhidos podemos concluir que se verificam problemas significativos no processo de transição, na medida em que os entrevistados identificaram um maior número de barreiras do que facilitadores. No que concerne aos facilitadores, conclui-se que a parceria entre o CRI e as escolas representa uma mais-valia para o processo, bem como o trabalho desenvolvido no sentido de colocar o aluno no centro do processo e de lhe proporcionar experienciar diferentes áreas vocacionais. Relativamente às barreiras, destacam-se o insuficiente apoio financeiro do Ministério da Educação ao processo de transição e a falta de estruturas que apoiem a continuidade do processo no período pós-escolaridade.
The present study aims to characterize the answers provided to students with special needs in the transition to adulthood that are being implemented in the Resource Centre for Inclusion in the municipality of Guimarães and identify the facilitators and barriers of the development and implementation process of Individual Transition Plans. The transition process needs to be planned and worked, as the present and future of young adults are often constrained by the number of opportunities that they were able to access. Therefore, it’s important to assess what resources are available to students with special needs in this process, especially at a time when the country’s financial constrains conditions, whether the education sector, whether the labor market. Given the study theme and aims we chose a study of qualitative and exploratory nature, case study type. For data collection we developed and used an Institution Contextualization Questionnaire and an Interview Script. The sample consists of seven professionals, part of the team that participates in the elaboration and implementation of transition individual plans followed by the Resource Centre for Inclusion, including an employer’s point of view. According to the collected data we can conclude that significant problems occur in the transition process, as the respondents identified a greater number of barriers than facilitators. Regarding the facilitators, we concluded that the partnership between the Resource Centre for Inclusion and the schools represents an added value to the process, as well as the work being done toward putting the students at the center of the process and giving them experience in different vocational areas. Regarding the barriers, the insufficient financial support from the Ministry of Education for the transition process and the lack of structures to support the continuation of the process in the post-school life were highlighted.
URI: http://hdl.handle.net/10400.26/10752
Designação: Mestrado em Necessidades Educativas Especiais – Área de Especialização em Cognição e Motricidade
Aparece nas colecções:ISEC - EE - Mestrado em Necessidades Educativas Especiais - Área de Especialização em Cognição e Motricidade

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
O Processo de Transição dos alunos com Necessidades Educativas Especiais para a vida pós-escolar.pdf2,38 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.