Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.26/10712
Título: Do individual ao colectivo: estudo de caso de uma experiência de promoção de trabalho colaborativo docente
Autor: Laranjo, Mário João de Sousa
Orientador: Jorge, José Reis
Palavras-chave: culturas de trabalho
trabalho colaborativo
relações pessoais
relações profissionais
partilha
predisposição
resistência
mudança de paradigma
Data de Defesa: 2012
Resumo: A problemática deste trabalho enquadra-se no âmbito do paradigma das culturas profissionais docentes. A questão de investigação que motivou este trabalho, consistiu na necessidade de perceber o impacto resultante da implementação de um conjunto de medidas promotoras do trabalho colaborativo, e as suas implicações nas relações pessoais e nas dinâmicas profissionais dos professores nos docentes de uma escola do distrito de Setúbal. O trabalho colaborativo, é assim o conceito em torno do qual se desenvolve este estudo empírico, que se concretiza através de um estudo de caso, e adota uma metodologia mista, já que articula uma abordagem qualitativa/interpretativa, com os dados resultantes de variáveis quantitativas e de carácter demográfico. Os resultados aproximam-se das teorias mais aceites na comunidade científica, na medida em que reafirmam os pressupostos do trabalho colaborativo, aliados à dificuldade de mudança do paradigma profissional docente. Não obstante, são encorajadores focos emergentes de mudança, nalguns grupos de professores, que podem ser indicadores da mudança que se pretende, a bem da qualidade do ensino e do bem-estar dos docentes.
The issue of this work fits within the paradigm of teacher professional cultures. The research question that motivated this work was the need to understand the impact of the implementation of a set of measures to promote collaborative work and its implications for personal relationships and the dynamics of professional teachers in a school of the district of Setúbal. The collaborative work is thus the concept around which this empirical study is developed. It is materialized through a case study, and adopts a mixed methodology since it articulates a qualitative / interpretative with the data resulting from quantitative variables and demographic character. The results resemble those theories more accepted in the scientific community, in that they reaffirm the assumptions of collaborative work, coupled with the difficulty of changing the paradigm of the teaching profession. Nevertheless, emerging cases for change in some groups of teachers are encouraging, which may be indicators of the change that is intended, for the sake of the quality of education and welfare of teachers.
URI: http://hdl.handle.net/10400.26/10712
Designação: Mestrado em em Ciências da Educação,- Área de Especialização em Supervisão Pedagógica.
Aparece nas colecções:ISEC - EE - Mestrado em Ciências da Educação - Área de Especialização em Supervisão Pedagógica

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Tese _completa_uv_Fev_24_02_2012.pdf1,5 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.