Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.26/10182
Título: As incivilidades e o sentimento de insegurança dos turistas internacionais
Outros títulos: Um estudo exploratório na cidade de Lisboa
Autor: Leite, Hugo Miguel Nogueira Ferreira
Orientador: Pais, Lúcia G.
Palavras-chave: Turismo
Polícia
Segurança
Insegurança
Data de Defesa: Mai-2015
Resumo: O sector turístico, pelo sustentado crescimento que tem apresentado ao longo dos últimos anos, ocupa uma posição estratégica no plano nacional. Na medida em que cada vez mais os destinos são procurados pela imagem de segurança que oferecem, surge a necessidade de, através de investigação e diagnósticos de segurança, se conhecer a forma como o turista percepciona a segurança. Conhecendo-a em profundidade, estaremos em condições de cumprir de forma satisfatória o dever de garante da segurança de quem nos visita, adaptando a táctica e os recursos policiais em ordem a densificar o sentimento de segurança. Além dos riscos criminais objectivos, a literatura mais recente tende a destacar como potenciador do sentimento de insegurança a forma como o ambiente é percepcionado. Neste contexto, ganha validade a tese das incivilidades, que encerra em si uma vasta gama de sinais de deterioração física e social que podem assinalar aos transeuntes a presença de perigo. Em ordem a dar um sustentado contributo para o conhecimento da percepção de segurança do turista estrangeiro, aferiram-se as opiniões dos mesmos relativamente ao contributo das incivilidades para o seu sentimento de insegurança aquando da sua visita à cidade de Lisboa. Da análise de conteúdo a que foram sujeitas as respostas às 20 entrevistas semi-directivas e semi-estruturadas, foi possível concluir que as incivilidades se manifestam de forma bastante mais ubíqua que o crime, gerando incómodo e contribuindo de forma significativa para a insegurança de quem nos visita.
Due to the sustained growth that has been showing over the past years, the tourism sector plays a strategic role in the national plan. Taking into consideration that tourism destinations are actually preferred if they exteriorize a safety appearance, emerges the need to know how tourists perceive security. For this propose research and security diagnostics are carried out. Knowing their perception in depth, we will be able to sufficiently fulfill our duty to ensure visitors a sense of security by adapting tactics and police resources. Beyond the scope of criminal risks, the most recent literature tends to emphasize the way how environment is perceived as a factor which can contribute to the increase of a sense of insecurity. Within this context, gains validity the study of incivilities thesis, which includes a wide range of social and physical signs of deterioration that can point the presence of danger on the streets. In order to make progresses on the understanding of foreign tourist’s security perception, their opinion about the contribution of incivilities to their sense of insecurity during the visit to Lisbon, 20 semi-directive and semi-structured interviews were assessed and submitted to content analysis procedure. The results suggest that incivilities are much more ubiquitous than crime. They generate discomfort and contribute significantly to the increase of visitors’ sense of insecurity.
URI: http://hdl.handle.net/10400.26/10182
Designação: Dissertação de Mestrado Integrado em Ciências Policiais / XXVII Curso de Formação de Oficiais de Polícia
Aparece nas colecções:ISCPSI - Dissertações do Ciclo de Estudos de Mestrado Integrado em Ciências Policiais

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Dissertação Hugo Leite.pdf1 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.