Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.26/10087
Título: Burocracia e tecnologia
Outros títulos: Um contributo para a eficiência e racionalização organizacional nas Forças Armadas
Autor: Vicêncio, José
Palavras-chave: Burocracia
Tecnologia
Tecnologias de Informação e de Comunicação
Sistemas de Informação
Boreaucracy
Techonology
Information and Communication Technologies
Information Systems
Data: 2014
Editora: IESM
Resumo: A burocracia e a tecnologia apresentam-se hoje como um desafio para as organizações. As Tecnologias de Informação e Comunicação (TIC) desempenham hoje um papel fundamental no quotidiano das organizações e são um recurso importante para as mesmas. Contudo, este recurso obriga as organizações a identificarem e a implementarem formas de o gerir para tirar o máximo benefício deste. A revolução da informação e do conhecimento acarretou impactos e desafios em toda a sociedade. Como consequência, as organizações militares tiveram também que acompanhar esta evolução, tendo de igual modo investido em TIC. As Forças Armadas (FFAA) foram introduzindo TIC de forma não integrada, com o objetivo de satisfazer as suas necessidades administrativas e operacionais para cumprir de forma mais eficiente a sua missão. Considerando a evolução tecnológica como um desafio e uma oportunidade de convergência para padrões de crescimento económico e social mais desenvolvidos, importa incentivar a inovação e fomentar a adoção das novas TIC garantindo, de forma sustentada, a convergência das FFAA para a Sociedade de Informação. A necessidade de uma maior eficiência operacional e de uma maior eficácia governativa conduziram à aprovação do Plano Global Estratégico de Racionalização e Redução de Custos nas Tecnologias de Informação e Comunicação na Administração Pública, pela Resolução de Conselho de Ministros n.º 12/2012, de 7 de fevereiro, que prevê vinte cinco medidas de racionalização, enquadradas por cinco eixos de atuação (melhoria dos mecanismos de governabilidade, redução de custos, implementação de soluções tecnológicas de informação e comunicação comuns, utilização das tecnologias de informação e comunicação para potenciar a mudança e a modernização administrativa e estímulo ao crescimento económico). Em cumprimento desta resolução, o Ministério da Defesa Nacional (MDN) em conjunto com o EMGFA e os Ramos desenvolveram um plano de ação. Surge assim, uma oportunidade para as FFAA desenvolverem ações no sentido de reorganizar, racionalizar, rentabilizar e reduzir custos, aproveitando para o efeito as valências de cada Ramo, no âmbito das TIC. Neste trabalho de investigação apresenta-se um conjunto de fatores que contribuem para aumentar a burocracia e as respetivas formas de reduzir os seus efeitos, e no final um conjunto de soluções para combater a burocracia nas FFAA com recurso às TIC. Abstract: Bureaucracy and technology are today a challenge to the organizations. Information and communication technologies (ICT) play a key role in the daily lives of organizations and are an important resource for them. However, this feature requires that organizations identify and implement ways to manage this resource to get the most benefit of it. The information and knowledge revolution led to impacts and challenges in the society. As a consequence, military organisations have also had to keep up with this development, having also invested in ICT. The Portuguese Armed Forces were introducing ICT in a non-integrated way, in order to meet their administrative and operational needs to fulfill more effectively its mission. Considering the technological evolution as a challenge and an opportunity for convergence to a more developed economic and social growth patterns, it is important to encourage innovation and promote the adoption of new ICTs by ensuring, in a sustained manner, the convergence of the Portuguese Armed Forces to the information society. The need of a greater operational efficiency and a more effective Government, led to the Global Strategic Plan approval for Rationalization and Cost Reduction in ICTs in Public Administration, as defined in the Council of Ministers Resolution No. 12/February 7, 2012, which defines twenty five rationalisation measures, framed by five axes of actuation (improvement of governance mechanisms, cost reduction, implementation of information and communication technology solutions, use of information and communication technologies to promote change and administrative modernization and economic growth stimulus). In compliance with this resolution, the Ministery of Defence in conjunction with the General Armed Forces Headquarters and the branches developed an action plan. Due to that, an opportunity arises for the Portuguese Armed Forces to develop actions in order to reorganize, rationalize, monetize and reduce costs by leveraging the valences of each branch, in the framework of ICT. This research presents a set of aspects that contribute to increased bureaucracy and the respective ways to reduce its effects, and at the end a set of solutions to combat bureaucracy in Portuguese Armed Forces using the ICT.
URI: http://hdl.handle.net/10400.26/10087
Aparece nas colecções:IUM - CRC - CPOS - MAR - Trabalhos de Investigação Individual

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
TII. Burocracia e Tecnologia 03MAI.pdf1,15 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.